APMP está com nova composição na Diretoria de Mulheres

Nesta sexta-feira (10/09), ocorreu reunião de transição da Diretoria
10 de September de 2021 > Notícias

Na manhã desta sexta-feira, 10 de setembro, o Presidente da APMP, André Tiago Pasternak Glitz, participou da reunião de transição da Diretoria Operacional de Mulheres Associadas.  

Na ocasião, Symara Motter entregou a coordenação da Diretoria, biênio 2021/2023, para a associada Mariana Dias Mariano, Promotora de Justiça de Almirante Tamandaré. 

Para Mariana, é uma honra compor o quadro de Diretores da Associação e continuar com o trabalho já consolidado junto às associadas. “Esse convite me deixa muitíssimo honrada e orgulhosa, pois a nossa Diretoria de Mulheres (da Associação do MP do Paraná) é um exemplo para todos os MPs do Brasil. Foi a primeira Diretoria de Mulheres a ser formalmente criada (na gestão do Presidente Cláudio Félix), e já possui várias ações e conquistas que vêm sendo reproduzidas nacionalmente. Será um grande desafio dar prosseguimento ao brilhante trabalho iniciado pela Nayani e consolidado pela Symara, com o apoio forte e decisivo do André, nosso Presidente e grande aliado. Então, pretendo dar continuidade a essas ações em um trabalho conjunto com cada uma das colegas; penso que a união (que temos) torna o caminho das conquistas mais fácil e mais leve, e garante que os avanços sejam permanentes”, afirmou.  

A reunião também contou com um momento especial. O Presidente da APMP, André Glitz, entregou à Symara uma placa de homenagem como forma de agradecimento ao exímio trabalho realizado durante a gestão 2019/2021, na qual a Promotora esteve à frente da Diretoria de Mulheres. Symara comentou que ao completar esses 02 anos de coordenação está saindo por entender que “esse espaço necessita de renovação constante, de novas visões, novas ideias e experiências para ampliação do seu alcance com a participação de outras mulheres para alcançarmos a consolidação desse importante e transformador ambiente de valorização do feminino”.  Enalteceu a participação das integrantes que compuseram a comissão de apoio, as associadas Carla Moretto Maccarini, Márcia Isabele Lopes Graf, Mariana Dias Mariano e Luiza de Almeida Prado.  Elas me ajudaram a encontrar respostas, reunir pontos de vista diversos em um processo de respeito mútuo com vistas a desencadear ações que respondessem aos diferentes anseios das associadas sob os mais diversos aspectos!”, ressaltou.  

Finalizou agradecendo ao Presidente da APMP, André Glitz, pela dedicação e parceria em relação às questões de gênero: “Não poderia deixar de registrar o incondicional apoio que o Presidente André Glitz sempre dispensou às questões de gênero durante toda a gestão, promovendo, com coragem e independência, ações no sentido da efetiva implementação da igualdade material entre homens e mulheres no MPPR e contribuir com uma Instituição cada vez mais democrática e comprometida com os valores constitucionais”.  

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.